Exposição e significação: uma análise sobre os retratos de prisioneiros do Camboja

  • Daniela Bracchi Universidade Federal de Pernambuco. Centro Acadêmico do Agreste. Núcleo de Design.
Palavras-chave: fotografia, retrato, níveis de análise, semiótica

Resumo

Este artigo busca discutir as diferenças nos modos de exibição de fotografias como produção de formas distintas de compreensão das imagens. O exemplo dos retratos de prisioneiros políticos do Camboja é o ponto de partida para se compreender que as escolhas expográficas relativas a essas imagens podem valorizá-las tanto do ponto de vista estético quanto político. Apresenta-se, portanto, diferentes níveis de análise que organizam melhor a reflexão sobre o sentido das imagens em seu contexto expográfico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniela Bracchi, Universidade Federal de Pernambuco. Centro Acadêmico do Agreste. Núcleo de Design.

Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal da Bahia, Mestrado em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP e Doutorado em Semiótica pela USP. Professora Adjunta do curso de Design da Universidade Federal de Pernambuco, Centro Acadêmico do Agreste. Líder de pesquisa do grupo sobre Fotografia Contemporânea.

Referências

CRIMP, D. Sobre as ruínas do museu. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

DE DUVE, T. A arte diante do mal radical. Ars, São Paulo, n. 13, 2008.

DISCINI, N. O estilo nos textos: história em quadrinhos, mídia, literatura. 2. ed. São Paulo: Contexto, 2004.

DONDERO, M; BASSO FOSSALI, P. Sémiotique de la photographie. Limoges: PULIM, 2011.

FLOCH, J. Les Formes de L'empreinte. Périgueux: Pierre Fanlac, 1987.

FREIRE, Cristina. Poéticas do processo: arte conceitual no museu. São Paulo: Iluminuras, 1999.

MADER, H. Na antessala da morte: retratos do genocídio do Cambodja. IN: ZUM: Revista de Fotografia. Vol.1.São Paulo: Instituto Moreira Salles, 2011, p.30.

O’DOHERTY, B. No interior do cubo branco: a ideologia do espano na Arte. São Paulo: Martins Fontes, 1999 (original inglês de 1976).

SONTAG, S. Ensaios Sobre Fotografia. Lisboa: Dom Quixote, 1986.

Publicado
2016-08-22
Como Citar
Bracchi, D. (2016). Exposição e significação: uma análise sobre os retratos de prisioneiros do Camboja. Significação: Revista De Cultura Audiovisual, 43(45), 83-95. https://doi.org/10.11606/issn.2316-7114.sig.2016.102981