Apresentação

  • Eduardo Victorio Morettin Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes http://orcid.org/0000-0002-1207-4969
  • Carolina Amaral de Aguiar Universidade Estadual de Londrina
  • Ignacio Del Valle Dávila Universidade Federal da Integração Latino-americana

Resumo

Apresentação da edição 50 do periódico Significação: revista de cultura audiovisual

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Victorio Morettin, Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes

Professor de História do Audiovisual da Escola de Comunicações e Artes da USP e coeditor de Significação: revista de cultura audiovisual.

Carolina Amaral de Aguiar, Universidade Estadual de Londrina
Doutora em História Social com pós-doutorado em Cinema e mestre em Estética e História da Arte pela Universidade de São Paulo (USP), etapas em que foi bolsista da FAPESP. Professora colaboradora adjunta da Universidade Estadual de Londrina (UEL) na área de História da América. Desenvolve pós-doutorado no Programa Nacional de Pós Doutorado da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (PNPD/Capes) em História na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Foi também professora substituta no curso de cinema na Universidade Federal da Integração Latino-americana (Unila). Publicou o livro O cinema latino-americano de Chris Marker (Alameda, 2015), fruto de sua tese de doutorado, e foi uma das organizadoras de Cinema e História: circularidades, arquivos e experiência estética (Sulina, 2016). Publicou diversos artigos e capítulos de livros sobre as relações entre Cinema e História (particularmente focados nas circulações cinematográficas entre América Latina e Europa nos anos 1960 e 1970) no Brasil, Chile, França, Espanha e Argentina.
Ignacio Del Valle Dávila, Universidade Federal da Integração Latino-americana
Doutor em Cinema (bolsista CONICYT) e mestre em Artes do Espetáculo e Mídias, ambos pela Université Toulouse II – Jean Jaurès, com pós-doutorado em História pela USP (bolsista Fapesp) e em Multimeios pela Unicamp (bolsista PNPD/Capes). Professor adjunto da graduação em Cinema e Audiovisual da Unila e professor colaborador da pós-graduação em Multimeios da Unicamp. Pesquisa cinema latino-americano dos anos 1960-1970 e as relações entre cinema e história. É autor dos livros Cámaras en trance: el nuevo cine latino-americano, un proyecto cinematográfico subcontinental (Cuarto Próprio, Santiago do Chile, 2014) e Le Nouveau cinéma latino-américain (Presses Universitaires de Rennes, Rennes, 2015) e organizou, com Eduardo Morettin, o dossiê Cinéma et Históire dans les Amériques (Revista IdeAs, 2016). Publicou textos acadêmicos em Argentina, Brasil, Canadá, Chile, Espanha, França e México. É membro do grupo de pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) “História e Audiovisual: circularidades e formas de comunicação” e dos comitês editoriais das revistas Significação e Cinémas d’Amérique latine.

Referências

BUCHSBAUM, J. “Militant Third World film distribution in the United States, 1970-1980”. Canadian Journal of Film Studies, Ottawa, vol. 24, n. 2, outono 2015, p. 51-65.

FRANK, R. “Introduction”. In. Dreyfus-Armand, G., Frank, R., Lévy, M.-F., Zancarini-Fournel, M. (org.). Les années 68: Le temps de la contestation. Bruxelas: Complexe, 2000, p. 13-21.

GOBILLE, B. “Introduction. Circulations révolutionnaires. Une histoire connectée et ‘à parts égales’ des ‘années 1968’”. Monde(s), Rennes, n. 11, 2017, p. 13-36.

JAMESON, F. “Periodizing the 60s”. Social Text, The 60's without Apology. Durham, n. 9/10, primavera - verão, 1984, p. 178-209.

SOLANAS, F.; GETINO, O. “Hacia un tercer cine”, Tricontinental, Havana, n. 13, out. 1969, p. 107-132.

Publicado
2018-07-04
Como Citar
Morettin, E., Aguiar, C., & Dávila, I. (2018). Apresentação. Significação: Revista De Cultura Audiovisual, 45(50), 12-21. https://doi.org/10.11606/issn.2316-7114.sig.2018.146757
Seção
Apresentação