Highlighting process

documents and presence in audiovisual performance

Palavras-chave: ao vivo, presença, documentação, tecnologia, processo

Resumo

Em resposta ao conceito de um projeto artístico, a tecnologia tem um duplo papel: esconde o artista atrás do computador e amplia as possibilidades ao representá-lo. Este artigo examina os temas da presença e do processo na performance audiovisual ao vivo do ponto de vista do artistainvestigador. Ao desenvolver investigação sustentada na minha prática, vou experimentando possibilidades relacionadas com a presença, processo e documentação. Ao compreender a performance audiovisual como uma prática processual, as possibilidades para a sua documentação estendem-se além dos vídeos promocionais e a sua disseminação através das redes sociais para incluir outros documentos, outras formas de  chegar a audiências interessadas. Compreendem-se diferentes formas de experienciar a performance; a fruição de um evento ou documento pode incluir o estudo da performance centrado na forma como esta é construida e como se apresenta. Para além disso, as plataformas digitais têm um papel fundamental nestas práticas, o de coletar e arquivar os documentos associados com os artistas-performers e torná-los acessíveis de forma a responder a uma multitude de pontos de vista.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Carvalho, ISMAI (Instituto Universitário da Maia)

Ana Carvalho compõe, faz performance com vídeo e escreve sobre assuntos relacionados com a performance audiovisual ao vivo. Doutora em Comunicação em Plataformas Digitais pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FLUP). O título da sua tese é A materialidade do efémero: a identidade nas artes performativas audiovisuais, documentação e construção de memória. Pesquisadora do Centro de Investigação em Artes e Comunicação (CIAC) e do Centro de Investigação em Tecnologias e Estudos Intermédia (CITEI) e coordenadora do projeto de investigação Ephemeral Expanded. Atualmente exerce funções de docência no Instituto Universitário da Maia (ISMAI).

Referências

ALEXANDER, A. “Audiovisual live performance”. In: DIETER, D.; NAUMANN S. (ed.). See this sound: audiovisuology compendium. Cologne: Waltther Konig, 2010. p. 199-204.
AMERIKA, M. META/DATA – a digital poetics. Massachusetts: The MIT Press, 2009.
ARMSTRONG, E.; ROTHFUSS, J. (org.). In the spirit of fluxus. Minneapolis: Walker Art Center, 1993.
AUSLANDER, P. Liveness: performance in a mediatized culture. New York: Routledge, 2008.
BÉNICHOU, A. (ed.). Ouvrir le document : enjeux et pratiques de la documentation dans les arts visuels contemporains. Dijon: Les Presses du Réel, 2010.
CARVALHO, A. “Live audiovisual performance”. In: CARVALHO, A.; LUND, C. (ed.). The audiovisual breakthrough. Berlin: Fluctuating Images, 2015. p. 129-141.
DAVIES, D. Philosophy of the Performing Arts. London: Wiley-Blackwell, 2011.
DIETER, D.; NAUMANN, S. (ed.). See this sound: audiovisuology compendium 2 – essays. Cologne: Waltther Konig, 2011.
GOLDENBERG, R. Performance Art: do futurismo ao presente. Lisboa: Orfeu Negro, 2007.
LEIGHTON, T. (ed.). Art and the moving image: a critical reader. London: Tate Publishing, 2008.
LUND, C.; LUND, H. (ed.). Audio.Visual: on visual music and related media. Stuttgart: Arnoldsche Art Publishers, 2009.
MAKELA, M. The practice of live cinema. Master Thesis ¬– Helsinki University of Art and Design, Helsinki, 2006. Disponível em: http://www.miamakela.net/TEXT/text_PracticeOfLiveCinema.pdf. Acesso em: 06 jun. 2019.
PHELAN, P. Unmarked: the politics of performance. London; New York: Routledge, 1996.
SALTER, C. Entangled: technology and the transformation of performance. Massachusetts: MIT Press, 2010.
VJ THEORY (ed.). VJam Theory: collective writings on realtime visual performance. Falmouth: Realtime Books, 2008.
WHITE, D. Expanded cinema: art, performance, film. London: Tate Publishing, 2011.
Publicado
2019-07-02
Como Citar
Carvalho, A. (2019). Highlighting process. Significação: Revista De Cultura Audiovisual, 46(52). https://doi.org/10.11606/issn.2316-7114.sig.2019.148819