Apresentação

  • Carla Maia Centro Universitário UNA
  • Danielle Crepaldi Carvalho Universidade de São Paulo
  • Eduardo Victorio Morettin Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes http://orcid.org/0000-0002-1207-4969
  • Margarida Maria Adamatti Universidade Federal de São Carlos
  • Patrícia Furtado Mendes Machado Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro
  • Reinaldo Cardenuto Universidade Federal Fluminense
Palavras-chave: Cinema brasileiro, Cinema e teatro, História do cinema

Resumo

Apresentação da edição 54

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Maia, Centro Universitário UNA

Professora do curso de Cinema e Audiovisual do Centro Universitário UNA. Doutora em Comunicação Social pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Integrante da Associação Filmes de Quintal.

Danielle Crepaldi Carvalho, Universidade de São Paulo

Concluiu pós-doutorado em Meios e Processos Audiovisuais pela Universidade de São Paulo (USP), com apoio da Fapesp. Integra o grupo de pesquisa CNPq “História e Audiovisual” e a comissão editorial da revista Significação. É coorganizadora de edições anotadas de seletas de contos de escritores brasileiros do final do século XIX e princípios do XX (Editora Lazuli, 2010, 2013 e 2016), de Cinema e história: circularidades, arquivos e experiência estética e de Cinema: estética, política e dimensões da memória.

Eduardo Victorio Morettin, Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes

Graduado em História (1988), mestre em Artes (1994) e doutor em Ciências da Comunicação (2001), títulos obtidos pela Universidade de São Paulo. Pós-doutorado pela Université Paris I (2012). Atualmente é professor de História do Audiovisual da Escola de Comunicações e Artes da USP. É autor de Humberto Mauro, Cinema, História (SP, Alameda Editorial, 2013) e um dos organizadores de O cinema e as ditaduras militares: contextos, memórias e representações audiovisuais (São Paulo, Intermeios, 2018), Cinema e história: circularidades, arquivos e experiência estética (Porto Alegre, Sulina, 2017), Ditaduras Revisitadas: Cartografias, Memórias e Representações Audiovisuais (Faro, Portugal: CIAC/Universidade do Algarve, 2016), Visualidades Hoje (Salvador, Edufba, 2013), História e Documentário (RJ, FGV, 2012) e História e Cinema: dimensões históricas do audiovisual (2ª ed., SP, Alameda Editorial, 2011). Coordenou dossiês temáticos sobre cinema e história nos periódicos Ideas. Idées d'Amérique (com Ignacio Del Valle Dávila em 2016), Significação (2013), ArtCultura (2009) e História: questões & debates (2003). É um dos líderes do Grupo de Pesquisa CNPq História e Audiovisual: circularidades e formas de comunicação (site http://historiaeaudiovisual.weebly.com/). Em 2010 foi professor visitante da Université Paris-Est Marne-la-Vallée. É bolsista produtividade em pesquisa CNPq, nível 2. É editor, junto com Irene Machado, do periódico Significação - Revista de Cultura Audiovisual. É membro do Conselho da Cinemateca Brasileira desde 2007. Foi membro do Conselho Deliberativo das seguintes instituições e associações científicas: Museu Paulista (2005 - 2007), Instituto de Estudos Brasileiros (2010 - 2014), Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (2008 - 2010 e 2013 - 2015), Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (2013 - 2014), Núcleo Regional São Paulo da Associação Nacional de História (ANPUH/SP) (1998 - 2000 e 2004 - 2008), Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual (SOCINE) (2007 - 2011). Foi presidente da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação (Compós) no biênio 2013 - 2015 e integrou a diretoria da ANPUH/SP entre 2000 e 2004 e da ANPUH entre 2007 e 2009. Membro do Grupo Assessor Especial da Diretoria de Relações Internacionais da CAPES. Links: http://bdpi.usp.br (search terms: eduardo morettin)

Margarida Maria Adamatti, Universidade Federal de São Carlos

Pós-doutoranda na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), com apoio da Capes. Professora do Programa de Pós-Graduação em Imagem e Som da UFSCar. Membro do conselho editorial da revista Significação. Integra o grupo de pesquisa CNPq “História e Audiovisual”, “Cinemídia: Grupo de Estudos sobre História e Teoria das Mídias Audiovisuais” e “Cine&Arte”. Autora do livro Crítica de cinema e repressão: estética e política no jornal alternativo “Opinião” e uma das organizadoras de Cinema e história: circularidades, arquivos e experiência estética e de Cinema: estética, política e dimensões da memória.

Patrícia Furtado Mendes Machado, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro

Doutora em Comunicação Social pela Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com doutorado-sanduíche na Université Sorbonne Nouvelle Paris 3, com bolsa CNPq. É professora do curso de Comunicação Social – Cinema da Pontifícia Universidade Católica (PUC-Rio).

Reinaldo Cardenuto, Universidade Federal Fluminense

Professor do Departamento de Cinema e Vídeo da Universidade Federal Fluminense (UFF). Doutor em Meios e Processos Audiovisuais pela ECA/USP. Além de artigos publicados em revistas científicas da área, é documentarista. Seu mais recente trabalho é Entre imagens (intervalos) (2016), premiado como melhor curta-metragem no VII Festival Internacional de Cinema da Fronteira.

Referências

BAZIN, A. O cinema: ensaios. São Paulo: Brasiliense, 1991.

VANNUCCI, A.; REIS, A.; BRAGA, C. “Os ensaiadores e as encenações”. In: FARIA, J. R.; GUINSBURG, J.; FARIA, J. R. (ed.). História do teatro brasileiro. São Paulo: Edições Senac; Perspectiva, 2012. v. 1. p. 479 - 496.

XAVIER, I. O discurso cinematográfico: a opacidade e a transparência. São Paulo: Paz e Terra, 2005.

Publicado
2020-07-08
Como Citar
Maia, C., Carvalho, D. C., Morettin, E., Adamatti, M., Machado, P. F. M., & Cardenuto, R. (2020). Apresentação. Significação: Revista De Cultura Audiovisual, 47(54), 12-22. https://doi.org/10.11606/issn.2316-7114.sig.2020.171144