(1)
Anchieta, I. A Sociedade De Rostos. Mulheres Sem Rosto Como indício De Novo Humanismo Nas Redes Sociais. Tempo Soc. 2016, 28, 243-261.