[1]
L. Müller, “Bancos na favela: relações entre agências bancárias e moradores de uma região urbana alvo de políticas de ‘pacificação’”., Tempo Soc., vol. 29, nº 1, p. 89-107, abr. 2017.