[1]
F. Ágoas, “Governo, ditadura e ciências sociais: o caso portuguê”s, Tempo Soc., vol. 31, nº 1, p. 263-276, abr. 2019.