1.
Anchieta I. A sociedade de rostos. Mulheres sem rosto como indício de novo humanismo nas redes sociais. Tempo Soc. [Internet]. 7 de dezembro de 2016 [citado 25 de novembro de 2020];28(3):243-61. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/ts/article/view/106947