Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Via Atlântica

A Revista Via Atlântica, publicação semestral do Programa de Pós-Graduação de Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa da Universidade de São Paulo, tem por objetivo levar aos estudiosos, do Brasil e do Exterior, resultados de investigações desenvolvidas por especialistas nas áreas de Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa, Literatura Comparada, Literatura Infantil e Juvenil, Literaturas Africanas de Língua Portuguesa, Literatura Brasileira, Literatura Portuguesa e de outras literaturas e culturas  que se expressam em português. Faz parte ainda do escopo da Via Atlântica a publicação de artigos que tratem das relações interdisciplinares da Literatura com outras Linguagens e com outras Formas do Saber. A publicação abrange, além de um Dossiê temático, outros trabalhos inéditos sob a forma de Ensaios, Artigos, Entrevistas e Resenhas de livros de interesse para os Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa e áreas correlatas. A revista Via Atlântica está inserida na área temática de Outras Literaturas Vernáculas, conforme tabela de áreas do conhecimento do CNPq (8.02.07.00-6).


______________________________________________________

  • ISSN: 1516-5159 (nºs 1-24, impresso, printed)
  • ISSN: 2317-8086 (OJS)
______________________________________________________
  • Indexado em:

   

     

     

 

   

       

  

______________________________________________________

Notícias

 

CHAMADA DE ARTIGOS / CALL FOR PAPERS: DOSSIÊ 34: Literatura e Jornalismo

 

TítuloLiteratura e Jornalismo: suportes e fronteiras

Em sua trigésima quarta edição, a revista Via Atlântica, periódico vinculado ao Programa Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa, do Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas (FFLCH/ USP), trará o dossiê temático Literatura e Jornalismo: suportes e fronteiras, que visa a colaborar com a discussão sobre o caráter híbrido da crônica, charge, conto, romance e congêneres, produzidos a partir do século XIX. Sob a forma do folhetim e das outras seções assinadas por diferentes colaboradores, os textos escritos e publicados a partir dos Oitocentos, em tal ambiência discursiva, pautaram novos modos de ler, reproduzir e interpretar paradigmas culturais, bem como produzir e fazer circular materiais impressos; representaram correntes de pensamento e irradiaram determinadas orientações de cunho artístico, social e político que, de certo modo, desdobram-se e se reinventam até os dias de hoje. Em especial nos países de língua portuguesa, o diálogo entre jornalistas e escritores, bem como a produção de escritores-jornalistas e jornalistas-escritores, muitos a transitar entre variados gêneros discursivos e suportes editoriais, resultou e tem resultado em importantes produções configuradas em almanaques, periódicos e livros. Além dos textos submetidos ao dossiê, a Via Atlântica receberá artigos sobre temática livre e resenhas.

 
Publicado: 2018-01-15 Mais...
 
Outras notícias...

n. 32 (2017)


Capa da revista