CIDADES DO MEDO: A CATÁSTROFE URBANA EM ROMANCES CONTEMPORÂNEOS DE LÍNGUA INGLESA E PORTUGUESA

  • Fernanda Gil Costa Universidade de Lisboa
Palavras-chave: catástrofe urbana, vítima, trauma, nostalgia

Resumo

NESTE ENSAIO SÃO ABORDADOS ROMANCES DE DOIS ESCRITORES AMERICANOS E UM DE UM ESCRITOR ANGOLANO, CUJO TEMA É A CATÁSTROFE URBANA E AS SUAS CONSEQUÊNCIAS PARA OS SOBREVIVENTES. NOS ROMANCES AMERICANOS, SOBRE O 11 DE SETEMBRO, SOBRESSAI A PREOCUPAÇÃO COM O EFEITO TRAUMÁTICO DA CATÁSTROFE E COM O COMPORTAMENTO DA VÍTIMA, E EVIDENCIA-SE UMA ATITUDE DE PERDA E NOSTALGIA REGRESSIVA. NO ROMANCE EM LÍNGUA PORTUGUESA NÃO HÁ LUGAR PARA A VITIMIZAÇÃO, JÁ QUE A CATÁSTROFE É OLHADA COMO OPORTUNIDADE, E A NOSTALGIA NÃO VISA ALTERAR O DESEJO DE FUTURO.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2010-06-28
Como Citar
Costa, F. (2010). CIDADES DO MEDO: A CATÁSTROFE URBANA EM ROMANCES CONTEMPORÂNEOS DE LÍNGUA INGLESA E PORTUGUESA. Via Atlântica, (17), 175-186. https://doi.org/10.11606/va.v0i17.50548
Seção
Outros Textos