Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Por detrás de tantos nomes, o mar. Moçambique e o Oceano Índico: discursos, imaginários e representações

Elena Brugioni

Resumo


A imagem de Moçambique como “Pérola do Índico” remonta, pelo menos, ao período colonial, representando, ainda hoje, uma das iconografias nacionais mais utilizadas em diferentes contextos e discursos públicos (Brito, 2010). No entanto, o significado e o agenciamento desta imagem apontam para um conjunto de questões e ambiguidades que oferecem pontos de partida para (re)pensar a relação entre Moçambique e o Oceano Índico no que concerne às práticas de representação, os discursos identitários e os imaginários culturais, configurando o Índico como uma “geografia transnacional do imaginário” (Ghosh & Mucke, 2007) e logo um “paradigma crítico alternativo” (Hofmeyr, 2007) para ler e situar as narrativas escritas e visuais da contemporaneidade em Moçambique.


Palavras-chave


Pérola do Índico, Moçambique, Oceano Índico, narrativas escritas e visuais

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/va.v0i27.99139

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2015 Elena Brugioni

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

______________________________________________________

  • ISSN: 1516-5159 (nºs 1-24, impresso, printed)
  • ISSN: 2317-8086 (OJS) 
        CELP - FACEBOOK
_____________________________________________________