Saúde Mascarada: tensionamentos e apropriações do personagem Zé Gotinha durante a pandemia brasileira

Autores

  • Renné Oliveira França Instituto Federal de Goiás

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1982-677X.rum.2022.200394

Palavras-chave:

Zé Gotinha, pandemia, celebridade, imaginário

Resumo

O presente trabalho dá continuidade à proposta de compreender personagens ficcionais como celebridades. Partindo do pressuposto de que estes seres imaginários possuem também poder de mobilização e reflexão de valores e anseios dentro de um determinado contexto, buscou-se aqui analisar três momentos em que o Zé Gotinha, figura símbolo da vacinação brasileira, atuou durante a pandemia de covid-19, entre final de 2020 e meados de 2021. Para tal, este artigo propôs pensar sua articulação em meio ao imaginário político atual a partir de uma breve recuperação de campanhas de vacinação anteriores, que construíram uma imagem do Zé Gotinha que foi tensionada nas disputas de sentido da esfera pública e ressignificada por usuários de redes sociais na disputa com a narrativa governamental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renné Oliveira França, Instituto Federal de Goiás

Doutor em Comunicação Social pela UFMG. Professor de Cinema e Audiovisual do Instituto Federal de Goiás.

Referências

‘ABANDONO’ de Zé Gotinha viraliza nas redes. CNN Brasil, São Paulo, 23 jan. 2021. Disponível em: https://bit.ly/3Nsmczm. Acesso em: 10 mar. 2022.

ANSART, P. História e memória dos ressentimentos. In: BRESCIANI, S.; NAXARA, M. (org.). Memória e (res)sentimento: indagações sobre uma questão sensível. Campinas: Editora Unicamp, 2001.

BACZKO, B. Imaginação social. In: LEACH, E. et al. Enciclopédia Einaudi: Anthropos – Homem. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1985. v. 5.

BALANDIER, G. O poder em cena. Brasília: Editora UnB, 1982. BRASIL é destaque no mundo por não divulgar mortes de covid-19. BBC, Londres, 8 jun. 2020. Disponível em: https://bbc.in/3mgTo0M. Acesso em: 25 mar. 2022.

FILME Zé Gotinha. [S. l.: s. n.], 2014. 1 vídeo (13 min). Publicado pelo canal Jucelaine Geremia. Disponível em: https://bit.ly/3NmKwmk. Acesso em: 10 mar. 2022.

FIOCRUZ. Casa do Zé Gotinha. Rio de Janeiro: FioCruz, [2020]. Disponível em: https://bit.ly/3OahFSn. Acesso em: 7 jun. 2022.

FONSECA, A. A. A imaginação no poder: o teatro da política na encenação da legitimidade. Contracampo, Rio de Janeiro, n. 23, p. 167-182, 2007.

FRANÇA, R. Personagens personalidades: heróis que revelam (e vilões que desvelam) anseios na contemporaneidade. In: FRANÇA, V.; SIMÕES, P.; PRADO, D. (org.).

Celebridades no Século XXI: volume 2: diversos perfis, diferentes apelos. Belo Horizonte: PPGCOM, 2021. p. 205-228.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Manual de utilização da marca Zé Gotinha. Brasília, 2013.

LEIA a íntegra do primeiro discurso de Lula após anulação de condenações da Lava Jato. Brasil de Fato, São Paulo, 10 mar. 2021. Disponível em: https://bit.ly/3NmJtT7. Acesso em: 20 mar. 2022.

MATTOSO, C. É uma imagem terrível uma arma na mão do Zé Gotinha, diz criador de personagem. Folha de S.Paulo, São Paulo, 12 mar. 2021. Painel. Disponível em: https://bit.ly/3O8J4nU. Acesso em: 7 jun. 2022.

NOBLAT, R. Em 7 vídeos, como Bolsonaro sabotou a vacinação contra o vírus: o apocalipse sanitário está logo ali. Veja, São Paulo, 4 mar. 2021. Política. Disponível em: https://bit.ly/3GUTIMn. Acesso em: 25 mar. 2022.

PENA, P. B. S. C. Articulação de linguagens nos modelos de comunicação para a saúde pública: o personagem Zé Gotinha e o cinema de animação. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciências) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015.

ROJO, R.; MOURA, E. (org.). Multiletramentos na escola. São Paulo: Parábola, 2012.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Pediatras pedem incorporação do Zé Gotinha, defensor da saúde e da paz, como símbolo da campanha de vacinação contra COVID-19. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP): Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm), 2021. Disponível em: https://bit.ly/3OwGrMx. Acesso em: 7 jun. 2022.

TEODORO, P. Em governo negacionista, Zé Gotinha consola ministro interino da Saúde que chorou ao falar da vacina. Revista Forum, Porto Alegre, 1 out. 2021. Disponível em: https://bit.ly/3Mo2lQy. Acesso em: 10 mar. 2022.

ZÉ GOTINHA recusa aperto de mão de Bolsonaro em cerimônia do plano de imunização. Jornal O Dia, São Paulo, 16 fev. 2020. Disponível em: https://bit.ly/3aBSOIl. Acesso em: 10 mar. 2022.

ZÉ GOTINHA, a historia. [S. l.: s. n.], 2011. 1 vídeo (5 min). Publicado pelo canal darlanrosa. Disponível em: https://bit.ly/3Mgy2eA. Acesso em: 10 mar. 2022.

Downloads

Publicado

2022-07-26

Como Citar

FRANÇA, R. O. Saúde Mascarada: tensionamentos e apropriações do personagem Zé Gotinha durante a pandemia brasileira. RuMoRes, [S. l.], v. 16, n. 31, p. 87-111, 2022. DOI: 10.11606/issn.1982-677X.rum.2022.200394. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/Rumores/article/view/200394. Acesso em: 6 fev. 2023.

Edição

Seção

Dossiê