Territorialidade Xavante - zomori

Autores

  • Maria Lucia Cereda Gomide Universidade Federal de Rondônia

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1808-1150.v0i19p86-104

Palavras-chave:

Xavante, Territorialidade, Território, Cerrados, Modo de vida

Resumo

Entende-se que a reprodução física e cultural dos povos indígenas em seus territórios, em grande parte, está condicionada à demarcação de territórios indígenas, que considere a territorialidade e o modo de vida indígena. No entanto, não foi o caso do território Xavante. A demarcação do território indígena Xavante em diversas terras indígenas ilhadas e, portanto, separadas entre si, causou inúmeros conflitos socioambientais, alterando seu modo de vida. O território indígena compreende as relações de apropriação do espaço que possui diversas dimensões como política, cultural, simbólica e cosmológica de um determinado povo indígena.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Lucia Cereda Gomide, Universidade Federal de Rondônia

Professora do Departamento de Educação Intercultural da Universidade Federal de Rondônia.

Downloads

Publicado

2013-12-04

Como Citar

Gomide, M. L. C. (2013). Territorialidade Xavante - zomori. Agrária (São Paulo. Online), (19), 86-104. https://doi.org/10.11606/issn.1808-1150.v0i19p86-104

Edição

Seção

Dossiê