O jornalismo a serviço da democracia:

análise de discursos veiculados durante as eleições presidenciais de 2018 por Folha de S. Paulo, Nexo, The Intercept Brasil e Jornalistas Livres

  • Amanda Escobar Costa Universidade Anhembi Morumbi
Palavras-chave: Jornalismo; Democracia; Discurso; Liberdade de imprensa; Eleições.

Resumo

Este trabalho tem como objetivo compreender o papel desempenhado, atualmente, pelo jornalismo brasileiro, em plataformas digitais, na mediação e publicização de argumentos no debate público sobre tópicos fundamentais da democracia durante o período das eleições de 2018. Para isso, busca fazer um comparativo entre discursos veiculados pelo jornalismo de referência e por veículos “nativos” de plataformas digitais, que se situam fora do escopo do jornalismo de referência no campo jornalístico e, em diferentes medidas, representam alternativas a este. Assim, a pesquisa analisou um corpus formado por 14 textos jornalísticos publicados em Folha de S. Paulo, Nexo, The Intercept Brasil e Jornalistas Livres entre 6 de setembro e 29 de outubro de 2018.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Amanda Escobar Costa, Universidade Anhembi Morumbi

Bacharel em Jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM) e estudante do 7º semestre de História da Universidade de São Paulo (USP).

Publicado
2020-06-22
Como Citar
Costa, A. (2020). O jornalismo a serviço da democracia:. Anagrama, 14(1). Recuperado de https://www.revistas.usp.br/anagrama/article/view/170479