As múltiplas faces de Valério Vieira

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1982-02672021v29e5

Palavras-chave:

Valério Vieira, Fotografia, História da Fotografia, Fotomontagem, Autorretrato

Resumo

Este artigo propõe uma análise da obra de Valério Vieira (1862-1941) dividida em cinco partes. Na primeira parte, resgata os processos criativos envolvidos na concepção de Os trinta Valérios (c. 1900) e do Segundo panorama de São Paulo (1922), enquadrando as duas obras em seus contextos históricos. A análise permite delinear o perfil de um autor mais vinculado a práticas da fotografia oitocentista do que alinhadas a propostas do modernismo, sem deixar de sublinhar sua originalidade. Nas quatro partes seguintes, aborda as relações estabelecidas entre a obra de Valério Vieira e outros campos da arte: cinema, teatro e música, em diálogos reais ou imaginários travados com artistas como Georges Meliès, Leopoldo Fregoli, Almirante e Pixinguinha.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Érico Monteiro Elias

    Possui graduação em Jornalismo pela Universidade Estadual Paulista. Cursou graduação em Fotografia por dois anos e meio na Faculdade Senac. É mestre pelo Instituto de Artes da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Tem experiência nas áreas de Comunicação e Artes, com ênfase em Fotografia e Cinema. E-mail: erico@ericoelias.com

Referências

LIVROS, ARTIGOS E TESES

ALTAFINI, Thiago. Cinema documentário brasileiro: evolução histórica da linguagem. Biblioteca Online de Ciências da Comunicação: <https://bit.ly/2Kw9V1v, 1999>.

AMARAL, Aracy. Artes plásticas na Semana de 22. São Paulo: Editora 34, 1998.

ANSÓN, Antonio. El limpiabotas de daguerre. Murcia: Puertas de Castilla, 2007.

ARAGÃO, Paulo. As cores novas do arranjador. In: LEME, Bia Paes (org.). Pixinguinha na pauta. Rio de Janeiro: Instituto Moreira Salles, 2010.

ARAÚJO, Íris Morais. Militão Augusto de Azevedo: fotografia, história e antropologia. São Paulo: Alameda, 2010.

BALADY, Sonia U. Valério Vieira: um dos pioneiros da experimentação fotográfica no Brasil. São Paulo: Universidade de São Paulo, 2012.

BARBUY, Heloísa. A cidade-exposição: comércio e cosmopolitismo em São Paulo, 1860-1914. São Paulo: Edusp, 2006.

BARBUY, Heloísa; FERNANDES JR., R.; FREHSE, F. Militão Augusto de Azevedo. São Paulo: CosacNaify, 2012.

BARDI, Pietro Maria. O Modernismo no Brasil. São Paulo: Banco Sudameris do Brasil, 1978.

BARDI, Pietro Maria. Em torno da fotografia no brasil. São Paulo: Banco Sudameris do Brasil, 1986.

BARTHES, Roland. A câmara clara. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 1980.

BATCHEN, Geoffrey. Burning with Desire. Cambridge: The MIT Press, 1999.

BAYARD, Hippolyte. Hippolyte Bayard: Photo Poche 91. Arles: Actes Sud, 2001.

BAZOU, Sébastien. Texto de apresentação do DVD Méliès, le cinémagicien. Paris: Arte Video, 2001.

BELLOUR, Raymond. Les hommes, le dimanche. Crisnée: Yelow Now, 2009.

BELTRAMIM, Fabiana M. S. Entre o estúdio e a rua: a trajetória de Vincenzo Pastore, fotógrafo do cotidiano. São Paulo: USP-FFLCH, 2015.

BENJAMIN, Walter. Obras escolhidas 1: magia e técnica, arte e política. São Paulo: Brasiliense, 1986.

BENJAMIN, Walter. The arcades project. Cambridge: The MIT Press, 1999.

CAMARGO, Mônica, MENDES, Ricardo. Fotografia: cultura e fotografia paulista no século XX.

São Paulo: Secretaria Municipal de Cultura, 1992.

CARADEC, F., NOHAIN, J. Fregoli: sa vie et ses secrets. Paris: Jeune Parque, 1968.

CARADEC, F., NOHAIN, J. Le grand troc des trucs. De quelques interactions entre prestidigitation, photographie et cinématographie. In: GUIDO, L.; LUGON, O. Fixe / Animé : croisements de la photographie et du cinéma au XXe siècle. Lausanne: L’Age D’Homme, 2010.

CARADEC, F.; NOHAIN, J. Avant l’avant-garde: du jeu en photographie 1890-1940. Paris: Textuel, 2015.

CHIK, Caroline. Méliès, photographie et arrêt de caméra. In: GAUDREAULT, A.; LE FORESTIER, L. (orgs.). Méliès carrefour des attractions. Rennes: Les Presses Universitaires de Rennes, 2014.

COURSODON, Jean-Pierre. Buster Keaton. Paris: Seghers, 1973.

COVAS, Eduardo Alves. O olhar fotográfico de Francisco Brandão. Campinas: Instituto de Artes, Unicamp, 2009.

DELEUZE, Gilles. A imagem-movimento. São Paulo: Brasiliense, 1985.

DIETRICH, Ana Maria (org.). Gaensly no acervo da Light, 1899-1925. São Paulo: BPR Publishers, 2001.

DREUX, Emmanuel. Le cinéma burlesque ou la subversion par le geste. Paris: l’Harmattan, 2007.

FABRIS, Annateresa (org.). Fotografia: usos e funções no século XIX. São Paulo: Edusp, 1991.

FAORO, Raimundo. Os donos do poder. São Paulo: Globo, 2001.

FERNANDES JR., Rubens. Fotografia no Brasil e modernidade. In: SCHWARTZ, J. (org.). Brasil, 1920-1950: da antropofagia a Brasília. São Paulo: CosacNaify, 2002.

FERNANDES JR., Rubens. Aurélio Becherini: lições e demolições do olhar. Natal: XXXI Congresso de Ciências da Comunicação, 2008.

FERNANDES JR., R.; KOSSOY, B.; SEGAWA, H.; SIQUEIRA, H. Guilherme Gaensly. São Paulo: CosacNaify, 2011.

FERREZ, G.; NAEF, W. Pioneer photographers of Brazil: 1840-1920. Nova York: The Center for Inter-American Relations, 1976.

FREUND, Gisèle. Photography & society. Boston: David R. Godine, 1980.

GAUDREAULT, André. Cinéma et attraction: pour une nouvelle histoire du cinématographe. Paris: CNRS Éditions, 2008.

GAUDREAULT, André. La cinématographie-attraction chez Méliès. In: GAUDREAULT, A.;

LE FORESTIER, L. (orgs.). Méliès carrefour des attractions. Rennes: Presses Universitaires de Rennes, 2014.

GOULART, Paulo Cezar.; MENDES, Ricardo. Noticiario geral da photographia paulistana: 1839-1900. São Paulo: Centro Cultural São Paulo, 2011.

GRANJEIRO, Cândido D. As artes de um negócio: a febre photographica – São Paulo, 1862-1886. São Paulo: Fapesp, 2000.

JANOVITCH, Paula Ester. Preso por trocadilho: a imprensa de narrativa irreverente paulistana de 1900 a 1911. São Paulo: Alameda, 2006.

KOSSOY, Boris. Origens e expansão da fotografia no Brasil: século XIX. Rio de Janeiro: Funarte, 1980.

KOSSOY, Boris. São Paulo, 1900. São Paulo: Livraria Kosmos, 1988.

KOSSOY, Boris. Realidades e ficções na trama fotográfica. São Paulo: Ateliê Editorial, 1999.

KOSSOY, Boris. Fotografia & História. São Paulo: Ateliê Editorial, 2001.

KOSSOY, Boris. Dicionário histórico-fotográfico brasileiro: fotógrafos e ofício da fotografia no Brasil (1833-1910). São Paulo: Instituto Moreira Salles, 2002.

KOSSOY, Boris. Os tempos da fotografia: o efêmero e o perpétuo. São Paulo: Ateliê Editorial, 2007.

KRACAUER, Siegfried. From Caligari to Hitler: a psychological history of the german film. Princeton: Princeton University Press, 2004.

KRÀL, Petr. Le burlesque ou la morale de la tarte à la crème. Paris: Ramsay, 2007.

LAGO, Pedro Corrêa. Militão Augusto de Azevedo: São Paulo nos anos 1860. Rio de Janeiro: Capivara, 2001.

LISTA, Giovanni. Cinéma et photographie futuristes. Paris: Skira, 2008.

MADIO, Teresa. A fotografia na imprensa diária paulistana nas primeiras décadas do século XX: O Estado de S. Paulo. História, São Paulo, v. 26, n. 2, p. 61-91, 2007.

MALTHÊTE, J.; MANNONI, L. Méliès: magie et cinéma. Paris: Cinémathèque Française, 2008.

MCLAREN, Norman. Texto incluído no DVD Georges Méliès: Le premier magicien du cinéma. Paris: Lobster Films, 2008.

MENDES, Ricardo. Once Upon a Time: uma história da História da Fotografia brasileira. Anais do Museu Paulista, São Paulo, v. 6/7, p. 183-205, 2003.

MENDES, Ricardo. “O Valério comprimenta-vos”: persona e invenção na virada do século. São Paulo: 2006. Disponível em: <https://bit.ly/38nlUqa>.

MONGIN, Olivier. Buster Keaton: L’étoile filante. Paris: Hachette, 1995.

OLIVEIRA, Diogo da Costa. Almirante e o pessoal da velha guarda: memória, história e identidade. Rio de Janeiro: Unirio, 2012.

PETRONE, Pasquale. A cidade de São Paulo no século XX. Revista de História, São Paulo, v. 10, n. 21-22, p. 136-139, 1955.

RODRIGUEZ, Teraiza. Síndrome de Fregoli: a propósito de un caso. Alcmeon, Buenos Aires, a. XVII, v. 14, n. 4, junio de 2008.

SCHEFER, Jean-Louis. Images mobiles : récits, visages, flocons. Paris: P.O.L., 2009.

STRAUVEN, Wanda. The cinema of attractions reloaded. Amsterdã: Amsterdam University Press, 2006.

SÜSSEKIND, Flora. Cinematógrafo de letras. São Paulo: Cia. das Letras, 1987.

TALBOT, Henry Fox. The Pencil of Nature. Londres: 1844. Versão digital estabelecida em 2010. Disponível em: <https://bit.ly/3hcyqNq>.

THARRATS, Juan-Gabriel. Segundo de Chomón: un pionnier méconnu du cinéma européen. Paris: L’Harmattan, 2009.

TURAZZI, Maria Inez. A Vontade Panorâmica. In: INSTITUTO MOREIRA SALLES. O Brasil de Marc Ferrez. São Paulo: IMS, 2005.

VELLOSO, Mônica Pimenta. Modernismo no Rio de Janeiro. Petrópolis: KBR, 2015.

VIMENET, Pascal. Émile Cohl. Montreuil: Ed. de l’Oeil, 2008.

WEISS, Peter. Le Cinéma d’Avant-Garde. Paris: L’Arche, 1989.

Downloads

Publicado

2021-03-01

Edição

Seção

Estudos de Cultura Material

Como Citar

ELIAS, Érico Monteiro. As múltiplas faces de Valério Vieira. Anais do Museu Paulista: História e Cultura Material, São Paulo, v. 29, p. 1–45, 2021. DOI: 10.1590/1982-02672021v29e5. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/anaismp/article/view/169887.. Acesso em: 22 jul. 2024.