Art déco e indústria: Brasil, décadas de 1930 e 1940

Autores

  • Telma de Barros Correia USP; Escola de Engenharia de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0101-47142008000200003

Palavras-chave:

Arquitetura industrial, Indústria, Art deco, Vilas operárias, Goiana, Brasil

Resumo

Este artigo analisa as características assumidas pela arquitetura de tendência art déco em construções ligadas à indústria - moradias, igrejas, escolas, clubes, fábricas etc. - erguidas no Brasil nas décadas de 1930 e 1940, investigando o repertório formal utilizado em diferentes tipologias. Faz uma análise mais detalhada das construções criadas pela Companhia Industrial Fiação de Tecidos Goyanna, em Pernambuco, no período entre 1937 e o final da década de 1940. Trata-se de um conjunto notável pela unidade formal, vinculada à linguagem art déco, e pelo emprego de soluções inovadoras em termos de forma e de programa.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

2008-12-01

Edição

Seção

Estudos de Cultura Material

Como Citar

CORREIA, Telma de Barros. Art déco e indústria: Brasil, décadas de 1930 e 1940 . Anais do Museu Paulista: História e Cultura Material, São Paulo, v. 16, n. 2, p. 47–104, 2008. DOI: 10.1590/S0101-47142008000200003. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/anaismp/article/view/5493.. Acesso em: 24 jun. 2024.