Arte, Arte indígena, Arte Borum/Krenak1: os imbricados caminhos para a compreensão da arte

Autores

  • Edileila Maria Leite Portes Universidade Vale do Rio Doce.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2178-0447.ars.2015.105525

Palavras-chave:

arte, cultura, identidade, território.

Resumo

Objetivando compreender e interpretar os desenhos da etnia Borum Krenak2,
o presente artigo propõe uma discussão acerca dos conceitos dados à arte
orientados pela hegemonia dos códigos culturais europeus e norte-americanos brancos e das próprias mutações pelos quais estes conceitos têm passado desde a Idade Moderna. Para tanto, trago para análise, os desenhos borum colhidos por meio de uma caminhada etnográfica pelo território3 Krenak, no Vale do Rio Doce, Minas Gerais, aliado a uma reflexão teórica calcada na linha epistemológica baseada na teoria compreensiva de Weber (1864–1920) e na antropologia interpretativa de Geertz4.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-06-14

Como Citar

Portes, E. M. L. (2015). Arte, Arte indígena, Arte Borum/Krenak1: os imbricados caminhos para a compreensão da arte. ARS (São Paulo), 13(25), 89-103. https://doi.org/10.11606/issn.2178-0447.ars.2015.105525

Edição

Seção

Arte, tecnologia e novas mídias