Tino Sehgal, site-specifics performances e as instituições da arte

  • Emerson Dionisio Gomes de Oliveira Universidade de Brasília
Palavras-chave: performance site-specific, Tino Sehgal, museus de arte

Resumo

O objetivo deste artigo é debater a produção artística de Tino Sehgal enquanto site-specifics performances produzidas em instituições museológicas convencionais. Para tanto, operamos com as noções de sítio e contexto, tomando o museu como componente da obra, e não sua exterioridade. Dois operadores são observados em nossas reflexões. O primeiro é a ativação do público do museu como participante privilegiado da obra, dentro de uma pedagogia museal singular. O segundo é o controle sobre os registros das obras pelo artista, enquanto parte da ação poética e, simultaneamente, ação política debruçada sobre economias simbólicas complexas, pois coloca em evidência a relação entre obras, artistas, discursos mediadores e o público.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-04-30
Como Citar
Oliveira, E. D. (2017). Tino Sehgal, site-specifics performances e as instituições da arte. ARS (São Paulo), 15(29), 62-77. https://doi.org/10.11606/issn.2178-0447.ars.2017.128322
Seção
Artigos