Marcel Duchamp – Notas da Caixa de 1914

  • Wallace Vieira Masuko Universidade Federal de Minas Gerais
Palavras-chave: Marcel Duchamp, notas, caixas, manuscritos, fotografia

Resumo

Esta versão apresenta imagens em negativo das notas da “Boîte de 1914” de Marcel Duchamp e um envelope anexo contendo as notas da Caixa de 1914 por Wallace Masuko. A “Boîte de 1914”, uma edição de 3 exemplares, contém as reproduções em fotografias preto e branco de 2 desenhos e 16 notas manuscritas entre os anos de 1912 e 1914, todas coladas sobre um suporte de papel cartão de tamanho padrão (18 x 24 cm) acondicionadas em 3 caixas de placas fotográficas das marcas Jougla, Kodak e Lumière. Duchamp reuniu reproduções de notas manuscritas por ele em 3 caixas distintas, publicadas ao longo de sua vida: a “Boîte de 1914” em 1914, a “Boîte verte” (“La Mariée mise à nu par ses célibataires, même.”) em 1934 e a “Boîte blanche” (“A l’infinitif”) em 1966. Estas notas aparecem como uma espécie de intertítulo na obra do artista. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Wallace Vieira Masuko, Universidade Federal de Minas Gerais
artista plástico. Bacharel em Artes Plásticas e Mestre em Artes Visuais pelo Departamento de Artes Plásticas da ECA-USP. Professor substituto no Departamento de Desenho da EBA-UFMG. Tem trabalhado em versões gráficas, linguísticas e plásticas de obras textuais de Marcel Duchamp (1887-1968), Gordon Matta-Clark (1943-1978) e Adolfo Bernal (1954-2008).
Publicado
2017-04-30
Como Citar
Masuko, W. (2017). Marcel Duchamp – Notas da Caixa de 1914. ARS (São Paulo), 15(29), 262-295. https://doi.org/10.11606/issn.2178-0447.ars.2017.131650
Seção
Escritos de Artistas