Dramaturgia em processo

Autores

Palavras-chave:

Dramaturgia, materiais, processo criador, registro

Resumo

Este trabalho reflete sobre o panorama atual da dramaturgia contemporânea brasileira no que tange à crescente prática do ator autônomo no processo de criação. Para isso, utilizam-se como proposta três bases para a composição dramatúrgica, independentemente da forma ou linguagem escolhida pelo grupo de artistas: a escolha dos materiais, o processo criador inacabado e a dramaturgia do ator. A pesquisa reflete, ainda, sobre dois estilos de registro dramatúrgico: o registro do processo criador e o registro textual ou corpóreo das partituras compostas. Todos os apontamentos servem de suporte e reflexão para o caráter inacabado ou em constante processo da dramaturgia atual.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Carolina Monzon, Universidade Estadual de Campinas

Mestra em artes pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), atriz e arte-educadora.

Referências

BARBA, E. Um amuleto feito de memória. Revista do LUME, Campinas, n. 1, 1998.

______. Queimar a casa: origens de um diretor. São Paulo: Perspectiva, 2010.

BRECHT, B. Estudos sobre teatro. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1978.

BONFITTO, M. O ator compositor. São Paulo: Perspectiva, 2006.

FÉRAL, J. A fabricação do teatro: questões e paradoxos. Revista Brasileira de Estudos da Presença, Editora da UFRGS, v. 3, n. 2, p. 566-581, 2013.

FERNANDES, S. Apontamentos sobre o texto teatral contemporâneo. Sala Preta, São Paulo, v. 1, p. 69-80, 2001.

MARINIS, M. de. Drammaturgia Dell’Attore. Coleção teatro eurasiano, n. 3, Bologna: I Quaderni del Battello Ebbro, 1996.

MERLEAU-PONTY, M. O visível e o invisível. São Paulo: Perspectiva, 2005.

MONZON, A. C. B. Dramaturgia do ator: vivências, experiências e construção de sentido a partir de diferentes materiais. 2015. 138 f. Dissertação (Mestrado em Artes) – Programa de Pós-Graduação em Artes, Instituto de Artes, Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Campinas, 2015.

RYNGAERT, J. P. Ler o teatro contemporâneo. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

SALLES, C. A. Gesto inacabado: processo de criação artística. São Paulo: Annablume, 2007.

Downloads

Publicado

2015-12-31

Como Citar

Monzon, A. C. (2015). Dramaturgia em processo. Revista Aspas, 5(2), 29-40. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/aspas/article/view/102300