Lugar da chuva: corpos viajantes em urbanidades amazônicas

Autores

  • Wellington Douglas dos Santos Dias
  • José Raphael Brito dos Santos Universidade Federal do Amapá

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-3999.v10i1p176-190

Palavras-chave:

Lugar da Chuva, Corpos amazônicos, Urbanidades.

Resumo

O artigo visa apresentar as experiências de corpo em diálogo com espaços e urbanidades amazônicas do processo de criação do espetáculo Lugar da Chuva, dos grupos Frêmito Teatro (AP) e Agrupamento Cynétiko (SP), que ocorreu nas cidades de Macapá e Santana, no estado do Amapá. O panorama teórico desta pesquisa conversou com as seguintes questões e seus respectivos autores: “estados de presença” com Eleonora Fabião (2010), “a rua e cidade enquanto trama” com André Carreira (2009) e a “dimensão ancestral da floresta e seus povos” com Davi Kopenawa (2015), dentre outros. Esta reflexão também objetiva ampliar as perspectivas sobre a sensibilização do corpo do ator, a busca por investigações nas urbanidades amazônicas e também transitar entre noções de corpo e espaço. Neste sentido, apresentaremos parte da trajetória desta experiência, articulando reflexões sensíveis e poéticas sobre o processo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-12-22

Como Citar

Dias, W. D. dos S., & dos Santos, J. R. B. (2021). Lugar da chuva: corpos viajantes em urbanidades amazônicas. Revista Aspas, 10(1), 176-190. https://doi.org/10.11606/issn.2238-3999.v10i1p176-190

Edição

Seção

Especial