Balanço Hídrico de Espécies de Mata Secundária Semidecídua - I. Actinostemon concolor (Spreng.) Muell. Arg. e Sebastiania serrata (Baill.) Muell. Arg.

Autores

  • E.M. Varanda Departamento de Botânica USP

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9052.v13i0p11-21

Palavras-chave:

Secondary semideciduous forest, water relations daily course of transpiration

Resumo

Este trabalho é resultado de pesquisa realizada em uma reserva de mata secundária semidecídua, situada no Campus da Universidade de Silo Paulo, localizada na área metropolitana de São Paulo, SP, Brasil. Os estudos foram realizados com 2 espécies lenhosas de Euphorbiaceae: Actinostemon concolor e Sebastiania serrata. Os resultados obtidos nas estações seca e chuvosa correspondem a dados de andamento diário da transpiração, grau de abertura estomática, velocidade do fechamento hidroativo dos estômatos, déficits de saturação e andamento diário das condições microclimáticas. As duas espécies apresentaram restrições na transpiração em ambas as estações. Pela reação hidroativa de seus estômatos demonstrou-se que ambas as espécies podem controlar a transpiração eficientemente. As folhas não desenvolveram altos déficits de saturação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1992-06-25

Como Citar

Varanda, E. (1992). Balanço Hídrico de Espécies de Mata Secundária Semidecídua - I. Actinostemon concolor (Spreng.) Muell. Arg. e Sebastiania serrata (Baill.) Muell. Arg. Boletim De Botânica, 13, 11-21. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9052.v13i0p11-21

Edição

Seção

Artigos