[1]
T. M. Franco, “Colocar o desejo na forma da lei: a tradução jurídica e o intraduzível da loucura em um manicômio judiciário”, Cad. Campo (São Paulo 1991), vol. 29, nº 1, p. 53-73, maio 2020.