"Treinta días en Moscú": a escrita de um livro de viagens

Autores

  • José Manuel Prieto

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-9651.v0i3p10-26

Resumo

"Treinta días en Moscú" é um relato de viagem voltado para a metrópole russa no mítico ano de 2000. Esses textos refeltem a visda na metrópole, seus problemas e seus habitantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Manuel Prieto

Narrador, ensaísta e tradutor cubano. Autor de vários romances, dentre os quais vale destacar Nocturnal Butterflies of the Russian Empire y Rex, ambos traducidos ao inglês, francês e alemãoFoi bolsista do  Center for Scholars and Writers da the New York Public Library y da John Simon Guggenheim Foundation. É profesor asistente da Seton Hall University e foi profesor convidado da Universidad de Cornell ePrinceton Univesity. Atualmente reside em Nueva York, onde acaba de terminar seu mais recente romance, Voz humana.

Publicado

2012-06-07

Como Citar

PRIETO, J. M. "Treinta días en Moscú": a escrita de um livro de viagens. Caracol, [S. l.], n. 3, p. 10-26, 2012. DOI: 10.11606/issn.2317-9651.v0i3p10-26. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/caracol/article/view/57678. Acesso em: 17 out. 2021.