[1]
J. Gasparri, “Che, varón Masculinidades nas letras de tango”, Caracol (São Paulo), nº 2, p. 174-215, dez. 2011.