Dar-se uma vida: autobiografia como metodologia filosófica no jovem Nietzsche

  • Fabiano de Lemos Britto
Palavras-chave: Nietzsche – autobiografia – Bildung – metodologia filosófica.

Resumo

No imbricamento entre a dimensão estilística e o conteúdo
positivo das teses filosóficas de sua obra, a autobiografia surge para
Nietzsche como o dispositivo segundo o qual ambos se reúnem, tornando-
se indissociáveis. Esse procedimento é evidente em textos como
Ecce Homo, mas está presente em textos muito mais antigos, como as
tentativas autobiográficas de sua época de estudante secundarista. A
análise do surgimento, nesse momento, do problema da escritura de si
mesmo como prática político-filosófica pode nos levar a propor um
princípio estratégico coerente para a leitura dos escritos de Nietzsche
como “obra”.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2015-07-08
Como Citar
Britto, F. (2015). Dar-se uma vida: autobiografia como metodologia filosófica no jovem Nietzsche. Cadernos De Ética E Filosofia Política, (12), 21-38. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/cefp/article/view/100362
Seção
Artigos