A TRANSVALORAÇÃO DOS VALORES, EM NIETZSCHE, E A PROFANAÇÃO, EM AGAMBEN

  • Márcia Rosane Junges
Palavras-chave: transvaloração dos valores, profanação, grande política, política que vem

Resumo

Pretende-se realizar uma investigação inicial acerca das filosofias de Nietzsche e Agamben em seus aspectos políticos. Interessa-nos analisar os conceitos de transvaloração dos valores e profanação, e em que sentido estes são decisivos para a compreensão das ideias de grande política e política que vem. Refletimos acerca das críticas de Nietzsche e Agamben à democracia, guardadas as peculiaridades de cada projeto filosófico e suas matrizes teóricas. A pequena política reativa era apontada por Nietzsche como um dos sintomas do niilismo. A grande política seria seu contraponto, resultado de uma elevação da cultura. Com a categoria da profanação, Agamben menciona que as coisas, inclusive a política, devem ser retiradas do templo, profanadas. Nesse sentido, através das formas-de-vida, abre-se a possibilidade para resistências e linhas de fuga pela da potência do não, buscando uma nova política.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-06-08
Como Citar
Junges, M. (2016). A TRANSVALORAÇÃO DOS VALORES, EM NIETZSCHE, E A PROFANAÇÃO, EM AGAMBEN. Cadernos De Ética E Filosofia Política, 1(28), 97-108. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/cefp/article/view/116279