Filosofia da diferença e a questão política da identidade racial

  • Matheus Barbosa Rodrigues universidade federal de sao paulo/mestrando em Filosofia

Resumo

O presente artigo investiga a relação entre a filosofia da diferença de Gilles Deleuze e a questão política da identidade racial. Em um primeiro momento, desenvolvemos a crítica da filosofia da diferença em biologia ao conceito de raça. Em seguida, com base em Achille Mbembe, demonstramos como fenômenos do mundo contemporâneo, a despeito da negação de fundamentos biológicos de discriminação, reorganizam-se ao longo de hierarquias racialmente determinadas. A partir daqui, visando o caso particular do Brasil, defendemos que a aposta na filosofia como porta voz de uma igualdade superior, sem o saber e à sua revelia, traduz uma posição política regressiva, isto é, induz à reafirmação do valor positivo depositado no mito da democracia racial. Por fim, buscamos apontar as direções iniciais para um reajuste das relações da filosofia da diferença com a questão racial.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-06-25
Como Citar
Rodrigues, M. (2019). Filosofia da diferença e a questão política da identidade racial. Cadernos De Ética E Filosofia Política, 1(34), 73-87. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/cefp/article/view/154310
Seção
Artigos