[1]
L. N. Cardim, “A expressão literária em Merleau-Ponty”, Cad. Ética Filos. Polít., vol. 2, nº 17, p. 44-56, dez. 2010.