Apresentação

Autores

  • Maria Christina Siqueira de souza Campos Universidade de São Paulo
  • Leonardo Gomes de Mello e Silva Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2595-2536.v31i2p06-19

Resumo

Três artigos e uma resenha compõem a seção dedicada ao tema “trabalho” deste Dossiê Trabalho & Família que o Cadernos CERU traz agora aos leitores, acostumados que estão a acompanhar as contribuições, discretas e perseverantes, em ciências sociais saídas desta longeva publicação do Centro de Estudos Rurais e Urbanos da USP. Os artigos são: o relato de uma pesquisa feita em uma empresa do setor energético francesa por dois jovens pesquisadores do Centro Pierre Naville da Universidade de Evry (França); uma longa entrevista com a socióloga Lucie Tanguy, dedicada há décadas a estudar, na França, a relação entre formação profissional e trabalho, além da história institucional dos centros de pesquisa daquele país orientados para o estudo desses temas, e que teve traduzida no Brasil, há alguns anos (2017) a obra A Sociologia do Trabalho na França. Pesquisa sobre o Trabalho dos Sociólogos (1950-1990)[1]; e finalmente a tentativa de estabelecer um balanço teórico sobre o debate recente, entre sociólogos de língua inglesa, em torno das contribuições de Polanyi e Marx para o entendimento do capitalismo global, por um doutorando em Sociologia da USP. A resenha, escrita também por uma doutoranda da USP, é sobre uma obra de 2016 publicada no Reino Unido e que aborda um assunto da maior relevância para o futuro do trabalho: a Inteligência Artificial e os usos que podem ser feitos da ciência cognitiva nesse aspecto. Parece pouco (três artigos e uma resenha), mas a qualidade dos textos e a abertura que possibilitam em termos de temáticas e problemas são suficientes para justificar a sua agregação conjunta neste número dos Cadernos. O termo que vem imediatamente à mente é: caleidoscópio. Trata-se de um conjunto de ângulos de ataque que permite, de forma insuspeitada, capturar, cada um à sua maneira, diferentes tópicos que frequentam as pesquisas sobre o trabalho, a sociologia do trabalho e disciplinas conexas (a psicologia, a educação e a ciência política, por exemplo).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Christina Siqueira de souza Campos, Universidade de São Paulo

Socióloga, doutora em Ciências Sociais pela Universidade de Duisburg (Alemanha), livre-docente e professora associada do Departamento de Economia da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão preto da Universidade de São Paulo, professora emérita da USP.

Leonardo Gomes de Mello e Silva, Universidade de São Paulo

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal Fluminense (1983), mestrado em Sociologia pela Universidade Estadual de Campinas (1989) e doutorado em Sociologia pela Universidade de São Paulo (1997). Atualmente é docente ms-3 da Universidade de São Paulo.

Downloads

Publicado

2020-12-23

Como Citar

Campos, M. C. S. de souza, & Silva, L. G. de M. e . (2020). Apresentação. Cadernos CERU, 31(2), 06-19. https://doi.org/10.11606/issn.2595-2536.v31i2p06-19

Edição

Seção

Apresentação