COTIDIANO, TRABALHO E POBREZA EM TEMPOS DE TRANSIÇÃO: CAMPINAS,1850-1888

Autores

  • Denise Aparecida S. de Moura Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2595-2536.v7i1p113-121

Palavras-chave:

Pobreza, Trabalho, Campinas-SP, Transição, Moura

Resumo

O presente artigo procura apontar um novo caminho de interpretação ao estudo do desenvolvimento das relações de trabalho livre em Campinas, entre os anos de 1850-1888, tendo como ponto de partida a pessoa do trabalhador nacional livre e pobre. Com este estudo perseguimos possíveis atitudes e escolhas deste diversificado segmento no seu processo de lidar e experimentar as mudanças imprimidas pela transição nas relações de vida e trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1996-01-01

Como Citar

Moura, D. A. S. de. (1996). COTIDIANO, TRABALHO E POBREZA EM TEMPOS DE TRANSIÇÃO: CAMPINAS,1850-1888. Cadernos CERU, 7(1), 113-121. https://doi.org/10.11606/issn.2595-2536.v7i1p113-121

Edição

Seção

Dossiê Amazônia