Vaga-lumes: uma análise do filme “Mamma Roma” de Pasolini

Autores

  • Pedro de Camargo Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2675-7265.v1i1p180-201

Palavras-chave:

análise filmica, cinema, imagem vaga-lume, Pasolini, Mamma Roma

Resumo

Utilizando-se dos conceitos de imagem vaga-lume propostos por Didi-Huberman na obra A Sobrevivência dos Vaga-lumes (2011), esse artigo realiza uma análise estética do filme Mamma Roma (1962) de Pasolini. Objetiva-se demonstrar como as imagens criadas pelo diretor italiano podem ser interpretadas como imagens vaga-lume, numa tentativa de empreender uma crítica à sociedade neofascistas instaurada na Itália pós-guerra.

Referências

A RICOTA. Direção de Pasolini. Itália: 1962. P&B.

ACCATONE, Desajuste Social. Direção de Pasolini. Itália: 1961. P&B.

AUMONT, Jacques et al. A Estética do Filme. 7. ed. Campinas: Papirus Editora, 2009.

BALÁZS, Béla. Béla Balázs. In: XAVIER, Ismail. A Experiência do Cinema: antologia. Rio de Janeiro: Graal, 1983. p. 75-96.

BAZIN, André. William Wyler, ou le janiseanista da mise en scène. Qu’est-ce Qu’est Le Cinéma 1, Paris, 1958.

BAZIN, André. Montagem Proibida. In:______. O Cinema: ensaios. São Paulo: Brasiliense, 1991. p. 54-65.

BURCH, Noel. Praxis do Cinema. Lisboa: Estampa, 1973.

CHION, Michel. Audiovisão: som e imagem no cinema. 8. ed. Edições Texto & Grafia, 2011.

DIDI-HUBERMAN, Georges. Sobrevivência dos Vaga-lumes. Belo Horizonte: Ufmg, 2011.

FURTADO, Sylvia B. Bezerra. Pasolini: Das modulações das formas fílmicas. Famecos: mídia, cultura e tecnologia, Porto Alegre, v. 24, n. 2, 2017.

GAUDREAULT, André; JOST, François. A narrativa cinematográfica. Brasília: Unb, 2009.

MAMMA ROMA. Direção de Pasolini. Itália: 1962. P&B.

MORAVIA, Alberto. A ideologia de Pasolini. Revista In-traduções, Florianópolis, v. 3, n. 4, p. 132-141, 2011.

MUNSTERBERG, Hugo. Hugo Münsterberg. In: XAVIER, Ismail. A Experiência do Cinema: antologia. Rio de Janeiro: Graal, 1983. p. 25-46

PASOLINI, Pier Paolo. Empirismo Hereje. São Paulo: Assirio e Alvim, 1981.

______. Écrites sur le Cinéma. Petits Dialogues avec les Films. Petite Bibliothèque des Cahiers du Cinéma: Paris, 2000.

______. La Voz de Pasolini. Primeros Apuntes de um Ensaysta Cinematográfico. Maia Edições: Madrid, 2011.

SALÒ, ou os 120 dias de Sodoma. Direção de Pasolini. Itália: 1975.

XAVIER, Ismail. O Discurso Cinematográfico: a opacidade e a transparência. São Paulo: Paz e Terra, 2005.

______. O cinema Moderno Segundo Pasolini. Revista Italianística, São Paulo, v. 1, n. 1, p. 101-109, 1993.

Downloads

Publicado

2020-09-10