Os agentes de tradução numa língua minorizada: resenha crítica de “Literaturas extranjeras y desarrollo cultural”

Autores

  • Elisabete Ares Licer Universidade de Vigo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2359-5388.v0i18p165-169

Resumo

Através da editora suíça Peter Lang, dentro da sua coleção Relaciones Literarias en el ámbito hispánico: traducción, literatura y cultura, dirigida pelo tradutólogo Luis Pegenaute da Universidade Pompeu Fabra de Barcelona, chega ao mundo acadêmico o volume 11 com o título Literaturas extranjeras y desarrollo cultural. Hacia um cambio de paradigma en la traducción literaria gallega, publicado no ano 2015.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elisabete Ares Licer, Universidade de Vigo

Elisabete Ares Licer é professora de línguas e culturas de expressão portuguesa na Consellería de Cultura, Educación e Ordenación Universitaria da Xunta de Galicia (Galiza-Espanha) nas especialidades de português como língua estrangeira (escolas oficiais de idiomas) e língua galega e literatura (ensino médio). Entre 2006-2016 prestou serviços de tradução e interpretação como freelance entre os idiomas português, galego e castelhano (versão e tradução). Realizou mestrado em Tradución para a Comunicación Internacional na Universidade de Vigo (Galiza-Espanha). Iniciou estudos de Letras na UFMG e finalizou o bacharelado em Filoloxía Hispánica (Galego-Portugués) na Universidade de Santiago de Compostela. Atualmente está realizando sua tese de doutorado no marco do programa de T&P da Universidade de Vigo. Contato: elisabete.ares.licer@edu.xunta.es

Downloads

Publicado

2017-09-30

Como Citar

Licer, E. A. (2017). Os agentes de tradução numa língua minorizada: resenha crítica de “Literaturas extranjeras y desarrollo cultural”. Cadernos De Literatura Em Tradução, (18), 165-169. https://doi.org/10.11606/issn.2359-5388.v0i18p165-169

Edição

Seção

Artigos