[1]
R. Cordeiro, J. Racine, W. Shakespeare, e G. Nerval, “Três poetas: Racine, Shakespeare e Nerva”l, Cad. lit. tradução, nº 5, p. 139-147, jan. 2003.