Metodologia projetual para educomunicar o desenvolvimento de coleções de moda

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v26i1p65-79

Palavras-chave:

Vestuário, Educomunicação, Ensino, Design de moda, Processo colaborativo

Resumo

Neste artigo objetiva-se descrever uma proposta de prática educomunicativa para a recriação de metodologias projetuais no ensino e no desenvolvimento de coleções de moda. A metodologia é exploratória, fundamentada na revisão bibliográfica. No texto, expõe-se uma breve compreensão sobre metodologias projetuais no desenvolvimento de coleções de moda a partir de Montemezzo (2003), Jones (2005), Barcaro (2008), Sorger e Udale (2009), Renfrew e Renfrew (2010) e Treptow (2013). Além disso, descrevem-se algumas metodologias utilizadas no design de moda e apresenta-se uma proposta de prática educomunicativa no ensino e no desenvolvimento de coleções de moda. Inferiu-se que as metodologias projectuais para o desenvolvimento de coleções de moda podem utilizar-se de práticas educomunicativas e assim facilitarem o processo de ensino no desenvolvimento de coleções, articulando o processo colaborativo entre os alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Taís Steffenello Ghisleni, Universidade Franciscana

Doutora em Comunicação pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM); coordenadora do Laboratório de Pesquisa em Comunicação (LAPEC) e professora do curso de Publicidade e Propaganda e do Mestrado em Ensino de Humanidades e Linguagens do Centro Universitário Franciscano.

Rubiana de Quadros Sandri, Universidade Franciscana

Professora Especialista no curso de Design de Moda e Mestranda do curso de Mestrado em Ensino de Humanidades e Linguagens da Universidade Franciscana (UFN).

Elsbeth Léia Spode Becker, Universidade Franciscana

Professora Doutora. no curso de Geografia e no Mestrado em Ensino de Humanidades e Linguagens da UFN.

Referências

ALVES, Gláucia da Rosa do Amaral; BECKER, Elsbeth Léia Spode. Manuais de etiqueta e civilidade e sua influência na condução social feminina no Brasil (1940-1960). Revista Latino-americana de Geografia e Gênero, Ponta Grossa, v. 10, n. 2, p. 42-65, 2019.

APARICCI, Roberto. Educomunicação: mais além dos 2.0. São Paulo: Paulinas, 2014.

BARCARO, Andrea. Os processos de uma empresa de moda. In: SORCINELLI, Paolo (org.). Estudar a moda: corpos, vestuários, estratégias. São Paulo: Senac, 2008. p. 143-156.

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade líquida. Rio de Janeiro: Zahar, 2001.

BRAUNSTEIN, Philippe. A emergência do indivíduo: abordagens da intimidade nos séculos XIV-XV. In: DUBY, Georges (org.). História da vida privada 2: da Europa feudal à Renascença. São Paulo: Companhia das Letras, 1990. p. 528

CARVALHAL, André. Moda com propósito. São Paulo: Paralela, 2016.

CIETTA, Enrico. A economia da moda: porque hoje um bom modelo de negócios vale mais do que uma boa coleção. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2017.

FLANDRIN, Jean-Louis. A distinção pelo gosto. In: CHARTIER, Roger (org.). História da vida Privada 3: da Renascença ao século das Luzes. São Paulo: Companhia das Letras, 2009. p. 234-289.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Tradução de Tomas Tadeu da Silva e Guaracira Lopes Louro. 11. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2006.

HUNT, Alan. Governance of the consuming passions: a history of sumptuary law. New York: St. Martin´s Press, 1996.

JONES, Sue Jenkyn. Fashion design: manual do estilista. 2. ed. São Paulo: Cosac Naify, 2005.

MONTEMEZZO, Maria C. F. S. Diretrizes metodológicas para o projeto de produtos de moda no âmbito acadêmico. 2003. Dissertação (Mestrado em Desenho Industrial) – Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação, Universidade Estadual Paulista, Bauru, 2003.

MORAES, Dijon de. Metaprojeto: o design do design. São Paulo: Blucher, 2010.

MORIN, Edgar. Os sete saberes necessários à educação do futuro. São Paulo: Cortez, 2000.

RENFREW, Elinor; RENFREW, Colin. Desenvolvendo uma coleção. Porto Alegre: Bookman, 2010.

SANCHES, Maria Celeste de Fátima. Moda e projeto: estratégias metodológicas em Design. São Paulo: Estação das Letras, 2017.

SHULMAN, Rachel. Sumptuary legislation and the fabric construction of national identity in early modern England. Constructing the Past, Chicago, v. 8, n. 1, 2007.

SOARES, Ismar de Oliveira. Educomunicação: o conceito, o profissional, a aplicação. São Paulo: Paulinas, 2011.

SOARES, Ismar. Comunicação/educação, a emergência de um novo campo e o perfil de seus profissionais. Revista Contato, Brasília, DF, v. 1, n. 1, p. 19-74, 1999.

SOARES, Ismar de Oliveira. Alfabetização e educomunicação: o papel dos meios de comunicação e informação na educação de jovens e adultos ao longo da vida. São Paulo: USP, 2003. Disponível em: http://www.usp.br/nce/wcp/arq/textos/89. pdf. Acesso em: 10 mar. 2016.

SORGER, Richard; UDALE, Jenny. Fundamentos de design de moda. Porto Alegre: Bookman Companhia, 2009.

SVENDSEN, Lars. Moda: uma filosofia. Rio de Janeiro: Zahar, 2010.

TREPTOW, Doris. Inventando moda: planejamento de coleção. Brusque: Doris Treptow, 2013.

Downloads

Publicado

2021-07-15

Como Citar

Ghisleni, T. S., Sandri, R. de Q., & Becker, E. L. S. (2021). Metodologia projetual para educomunicar o desenvolvimento de coleções de moda. Comunicação & Educação, 26(1), 65-79. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v26i1p65-79