Processo de Avaliação pelos Pares

1) Os textos enviados à revista Comunicação & Educação devem ser inéditos. Trechos de outras obras, inclusive do próprio autor ou autora, devem ser devidamente citados e referenciados.

2)  Os manuscritos são inicialmente revisados pela equipe e editores da revista. Nesse estágio, o texto pode ser rejeitado por não estar de acordo com as diretrizes e normas da revista; por não estar de acordo com o template de publicação, e pelo conteúdo não ser considerado prioritário ou relevante para a revista. Esse procedimento inicial é rápido e evita que os autores esperem desnecessariamente pelo parecer.

3) Os manuscritos que passam por esta primeira avaliação são então apreciados por meio de avaliação duplo cega por dois membros do Conselho Editorial ou consultores ad hoc, dentro de suas especialidades. Caso necessário, o texto poderá ser submetido à avaliação de um terceiro parecerista. Baseado nos pareceres desses revisores, o editor responsável decide acerca da publicação do manuscrito.

4) O resultado dos pareceres é comunicado aos autores com a garantia de anonimato dos avaliadores. A resposta do processo de avaliação por pares depende da agilidade dos pareceristas. O tempo médio do recebimento até a publicação é de 24 semanas.

A Comissão Editorial reserva-se o direito de:

- recusar os textos que não estiverem de acordo com as diretrizes, prioridades e normas da revista;

 - solicitar alterações nos textos submetidos, quando se fizer necessária alguma correção ou modificação de ordem temática e/ou formal;

 - proceder a alterações de ordem formal, ortográfica e gramatical, realizadas por revisores especializados.

A decisão referente à publicação dos textos recebidos é exclusiva da Comissão Editorial.

A Comissão Editorial reserva-se o direito de encaminhar convites a especialistas com evidente competência acadêmica na área de Comunicação para possível publicação de sua produção intelectual na revista Comunicação & Educação. Neste caso, os textos passam pelo procedimento padrão de avaliação adotado pela revista, sob responsabilidade dos editores.

Excepcionalmente, serão aceitos trabalhos que já tenham sido publicados em periódicos estrangeiros. Nesse caso, serão sujeitos ao mesmo processo de avaliação.