O transtorno de estresse pós-traumático nos contextos de trabalho: reflexões em torno de um caso clínico

Autores

  • Júlia Nogueira Dorigo Universidade Federal de Minas Gerais; Departamento de Psicologia da
  • Maria Elizabeth Antunes Lima Universidade Federal de Minas Gerais; Departamento de Psicologia da

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v10i1p55-73

Palavras-chave:

Saúde mental e trabalho, Transtorno de estresse pós-traumático, Estudo de caso

Resumo

O artigo trata de uma das diversas formas de adoecimento mental observadas nos contextos de trabalho: o transtorno de estresse pós-traumático (TEPT). Para isso, foi analisado o caso de um trabalhador acometido por TEPT a partir dos principais teóricos que trataram do assunto. Trata-se de um vigilante que, por cinco anos, conviveu com o transtorno sem saber o que o acometia e sem ser devidamente tratado pela equipe médica e psicológica de sua empresa. Com o artigo, pretende-se contribuir para o avanço na compreensão dessa grave doença, focalizando suas causas, os sintomas que a compõem e as possibilidades de prevenção.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2007-06-01

Como Citar

Dorigo, J. N., & Lima, M. E. A. (2007). O transtorno de estresse pós-traumático nos contextos de trabalho: reflexões em torno de um caso clínico. Cadernos De Psicologia Social Do Trabalho, 10(1), 55-73. https://doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v10i1p55-73

Edição

Seção

Artigos