Trabalho e utopia na modernidade

Autores

  • Suzana Guerra Albornoz Universidade de Santa Cruz do Sul; Departamento de Ciências Humanas

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v6i0p1-13

Palavras-chave:

Utopia, More, Via oblíqua, Trabalho, Agricultura, Artesanato, Moderação, Igualdade

Resumo

O texto explora a obra Utopia (1516), de Thomas More, em especial o que ali é dito sobre o trabalho, sua organização e distribuição na sociedade. Começa lembrando a polêmica em tomo do livro, incluído na tradição da escritura em via oblíqua, segundo Leo Strauss e Miguel Abensour, e procede à revisão do que More diz do trabalho a propósito da ilha imaginária ideal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2003-12-01

Como Citar

Albornoz, S. G. (2003). Trabalho e utopia na modernidade. Cadernos De Psicologia Social Do Trabalho, 6, 1-13. https://doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v6i0p1-13

Edição

Seção

Artigos