Trabalho, vida e morte no setor de rochas ornamentais: efeitos psicossociais do acidente de trabalho fatal para a família

Autores

  • Ana Beatryce Tedesco Moraes Universidade Federal do Espírito Santo, Departamento de Psicologia Social e do Desenvolvimento
  • Maria das Graças Barbosa Moulin Universidade Federal do Espírito Santo, Departamento de Psicologia Social e do Desenvolvimento

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v16i1p25-40

Palavras-chave:

Acidentes fatais, Efeitos psicossociais, Setor de rochas, Saúde do trabalhador.

Resumo

Este estudo analisou os efeitos psicossociais dos acidentes de trabalho fatais, ocorridos em 2008, para as famílias das
vítimas, no setor de mármore e granito, no estado do Espírito Santo. A pesquisa exploratória utilizou a entrevista
semiestruturada como instrumento de coleta de dados, cuja análise seguiu o Método de Interpretação de Sentidos.
Participaram da pesquisa oito famílias, identificadas a partir da Comunicação de Acidente de Trabalho. A percepção
das famílias sobre o acidente de trabalho se mostrou associada às características da atividade no setor de rochas,
como: condições de trabalho desfavoráveis à segurança, proximidade entre relações pessoais e profissionais e falta de
informação sobre os acidentes. O acidente de trabalho fatal trouxe diversas implicações para todos os membros das
famílias, como agravos à saúde, mudanças de comportamento e dificuldade em lidar com a ruptura dos planos. As
formas de enfrentar a morte indicaram que a superação da perda foi viabilizada principalmente por familiares, amigos
e religião. A maioria das empresas cumpriu suas obrigações legais com presteza, e o Poder Público foi evidenciado no
que tange aos benefícios concedidos às famílias das vítimas, mas se mostrou ausente nas ações de transformação da
organização do trabalho para prevenção de acidentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-06-30

Como Citar

Moraes, A. B. T., & Moulin, M. das G. B. (2013). Trabalho, vida e morte no setor de rochas ornamentais: efeitos psicossociais do acidente de trabalho fatal para a família. Cadernos De Psicologia Social Do Trabalho, 16(1), 25-40. https://doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v16i1p25-40

Edição

Seção

Artigos