Raul Pompéia, Abílio César Borges e a escola brasileira no século XIX

Autores

  • Regina Zilberman Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v5i9p38-51

Palavras-chave:

Raul Pompeia, O Ateneu, Abílio César Borges, educação brasileira.

Resumo

As referências à participação de Abílio César Borges na educação brasileira datam da década de 1860. Autor de livros didáticos, ele foi bastante popular na Bahia, sua terra natal, depois no Rio de Janeiro. Festejado pelos poetas Castro Alves e Rozendo Moniz Barreto, foi criticado por Raul Pompeia no romance O Ateneu. A crítica de Pompeia não visava atingir apenas o educador baiano, mas o sistema escolar brasileiro de seu tempo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Regina Zilberman, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Professora doutora do Instituto de Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – Porto Alegre.

Downloads

Publicado

2012-11-15

Como Citar

Zilberman, R. (2012). Raul Pompéia, Abílio César Borges e a escola brasileira no século XIX. Revista Criação & Crítica, (9), 38-51. https://doi.org/10.11606/issn.1984-1124.v5i9p38-51

Edição

Seção

Artigos