A contaminação discursiva na obra Pequenas epifanias, de Caio Fernando Abreu

  • Adriane Figueira Batista Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas. Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa
Palavras-chave: Contaminação discursiva, Caio Fernando Abreu, HIV/AIDS

Resumo

Tomando como ponto de partida a contaminação discursiva, utilizar-se-á a obra Pequenas Epifanias, de Caio Fernando Abreu, para levantar questões sobre direitos humanos, liberdades individuais e pânicos coletivos. O HIV/AIDS foi e continua sendo encarado por meio de ideias que não são, necessariamente, realidades científicas, mas que agregadas aos contextos social, cultural e político, dividem-se em convencional e não convencional, criando um aparato falacioso e excludente

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-06-29
Como Citar
Batista, A. (2016). A contaminação discursiva na obra Pequenas epifanias, de Caio Fernando Abreu. Revista Crioula, (17). https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2016.111930
Seção
Dossiê: Modernidade e direitos humanos nas literaturas de língua oficial portuguesa