Entrevista com o grupo angolano de hip hop "Filhos da ala este"

Autores

  • Luana Soares de Souza Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT)
  • Joaquim João Martinho Universidade de São Paulo (USP)

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2017.126064

Palavras-chave:

Hip hop, Angola, música.

Resumo

O grupo “Filhos da ala este”, nascido em Angola, surgiu na década de 90. As letras do grupo fazem referência direta a acontecimentos históricos do país, propondo uma nova leitura sobre a história de Angola. Partindo de uma crítica cortante às desigualdades, o grupo evidencia a dinâmica social dos pobres, trabalhadores e crianças. Os ecos da independência, seguida da guerra civil, também permeiam as letras do grupo. Nesta entrevista, “Filhos da ala este” falam sobre o início da cena de hip hop em Angola, projeto estético e o passado-presente da nação. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luana Soares de Souza, Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT)

Doutoranda em Estudos Literários pela Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT).

 

 

Joaquim João Martinho, Universidade de São Paulo (USP)

Mestrando em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa pela Universidade de São Paulo (USP).

Downloads

Publicado

2017-06-30

Como Citar

Soares de Souza, L., & João Martinho, J. (2017). Entrevista com o grupo angolano de hip hop "Filhos da ala este". Revista Crioula, 1(19), 233-243. https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2017.126064

Edição

Seção

Dossiê: Literatura, cinema, teatro e outras artes - perspectivas históricas (entrevistas)