Um convite à navegação: interculturalidade e processos de leitura

Autores

  • Teresa Beatriz Azambuya Cibotari Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2020.168653

Palavras-chave:

Literatura africana, Ombela, Leitura, Interculturalidade

Resumo

O presente trabalho propõe-se a discutir a obra Ombela (2015), do escritor angolano Ondjaki, que é uma produção voltada para o público infantil. A análise busca estabelecer diálogos entre contextos de produção e de recepção, observando como se dá o trânsito de elementos culturais entre grupos diferentes de leitores, falantes de uma mesma língua, no caso, a Língua Portuguesa. A análise ainda postula possibilidades de trabalho com essa obra literária no contexto educacional brasileiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Teresa Beatriz Azambuya Cibotari, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Doutoranda e mestre em Teoria da Literatura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS).

Referências

COLOMER, Teresa. Andar entre livros: a leitura literária na escola. Tradução de Laura Sandroni. São Paulo: Global, 2007.

ECO, Umberto. Lector in fabula: a cooperação interpretativa nos textos narrativos. Tradução de Attílio Cancian. São Paulo: Perspectiva, 2011.

ESCARPIT, Robert. Hacia una sociología del hecho literario. Madrid: Edicusa, 1974.

IBGE. Pretos ou pardos estão mais escolarizados, mas desigualdade em relação aos brancos permanece. Agência IBGE notícias. Disponível em: https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/25989-pretos-ou-pardos-estao-mais-escolarizados-mas-desigualdade-em-relacao-aos-brancos-permanece. Acesso em: 14 de novembro de 2019.

ONDJAKI. Ombela - A origem das chuvas. Alfragide: Editorial Caminho, 2015.

RICOEUR, Paul. Tempo e narrativa - Tomo III. Tradução de Roberto Leal Ferreira. Campinas (SP): Papirus, 1997, p. 273-314.

SARAIVA, Sueli da Silva. O realismo animista e o espaço não-nostálgico em narrativas africanas de língua portuguesa. Encontro Regional da ABRALIC 2007. Literaturas, Artes, Saberes. São Paulo, 2007.

Downloads

Publicado

2020-07-27

Como Citar

Cibotari, T. B. A. (2020). Um convite à navegação: interculturalidade e processos de leitura. Revista Crioula, (25), 276-285. https://doi.org/10.11606/issn.1981-7169.crioula.2020.168653

Edição

Seção

Dossiê 25: Literaturas de língua portuguesa para crianças e jovens

Dados de financiamento