[1]
P. Ribeiro, INSUBMISSAS LÁGRIMAS DE MULHERES, Rev. Crioula, nº 11, maio 2012.