1.
Bento OSS. "E foi então que eu me entendi mulher": O olhar negro-feminino sobre a opressão interseccional de gênero, raça e sexualidade. Rev. Crioula [Internet]. 30 de dezembro de 2019 [citado 23 de setembro de 2021];0(24):156-6. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/crioula/article/view/162574