ALEXANDRE PINHEIRO TORRES E CAMILO CASTELO BRANCO EM DIÁLOGO INTERTEXTUAL: OBSERVAÇÕES DE LEITURA DO ROMANCE ESPINGARDAS E MÚSICA CLÁSSICA

Autores

  • Luiz Maria Veiga Mestre Estudos Comparados de Literaturas em Língua Portuguesa, Universidade de São Paulo - USP

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2175-3180.v2i3p51-61

Palavras-chave:

Alexandre Pinheiro Torres, Camilo Castelo Branco, diálogo intertextual

Resumo

Este ensaio breve procura localizar, no romance "Espingardas e música clássica" (1987), de Alexandre Pinheiro Torres (1921-1999), o diálogo intertextual com momentos da obra camiliana, procura entender a intenção desse diálogo e fazer uma rápida reflexão sobre seu possível sentido.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-06-10

Como Citar

Veiga, L. M. (2010). ALEXANDRE PINHEIRO TORRES E CAMILO CASTELO BRANCO EM DIÁLOGO INTERTEXTUAL: OBSERVAÇÕES DE LEITURA DO ROMANCE ESPINGARDAS E MÚSICA CLÁSSICA. Revista Desassossego, 2(3), 51-61. https://doi.org/10.11606/issn.2175-3180.v2i3p51-61