TEATRO E CRÔNICA DE D. JOÃO DA CÂMARA: ASPECTOS DA LITERATURA PORTUGUESA NA PASSAGEM DO SÉCULO XIX PARA O XX.

Autores

  • Rita Cássia Lamino Araujo Rodrigues UNESP - Campus de Assis

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2175-3180.v6i12p81-94

Palavras-chave:

D. João da Câmara, simbolismo, Neorromantismo, teatro, crônica

Resumo

Em Portugal, os autores da geração de 1890, da qual o cronista e dramaturgo D. João da Câmara fazia parte, passaram a expressar em suas obras uma nova concepção do mundo produzindo obras simbolistas, que primavam pelo conteúdo espiritual e estético; obras neorromanticas lusitanista e neogarrettista que apresentavam um sentimento nacionalista traduzido no culto ao passado histórico glorioso e da exaltação do campo e da cultura popular campesina portuguesa. Em vista disso, este artigo se propõe a apresentar considerações sobre as peças de D. João da Câmara O Pântano, O Beijo do Infante, Os Velhos e as crônicas do autor publicadas na revista O Ocidente: revista ilustrada de Portugal e do Estrangeiro e do jornal A Gazeta de Notícias de modo a observar como se manifestam essas novas tendências literárias finisseculares na obra desse autor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rita Cássia Lamino Araujo Rodrigues, UNESP - Campus de Assis

Letras - Literatura e Vida Social

Referências

AMORA, Antônio Soares. Presença da Literatura Portuguesa. Simbolismo, v. VI. São Paulo: Difusão Europa, 1969.

BALAKIAN, O Simbolismo. Trad. José Bonifácio Caldas. São Paulo: Perspectiva, 1967.

CÂMARA, D. João da. “Crônicas Ocidentais.” In: Revista O Ocidente, n° 613.Lisboa, 05 jan. 1896. P.2, 1 col.

_____. “Os Pretos de São Jorge” In: Gazeta de Notícias, 17, jul., 1905, p. 1 - 1col.

_____. “Os pretos de São Jorge”. In: Gazeta de Notícias, 17 jul., 1902. p.1, 7 e 8 col.

_____. O Pântano. In: _____. Teatro Completo. MARTINS, Rita (org. e intr.)v. II Lisboa: Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 2006.

_____. “Os Velhos e O Beijo do Infante”. In:_____. Teatro Completo. MARTINS, Rita (org.) v.II. Lisboa: Imprensa Nacional Casa da Moeda, 2006. p. 169.

_____. “Aniversário Triste”. In: Gazeta de Notícias, 09 dez. 1901,p.1, 1 col.

_____. “Saudade e Melancolia”. In: Gazeta de Notícias, 31 ago. 1903, p.3, - 5col.

_____. “Crônica Ocidental”. O Ocidente. n° 898, Lisboa, 10 dez. 1903, p.266, 2 col.

_____. “Outono”. In: Gazeta de Notícias,10 nov. 1902, p.1, 8col.

CRUZ, Duarte Ivo. O Simbolismo no Teatro Português (1890 – 1990). Lisboa: ICLP, 1991.

PEREIRA, José Carlos. Decadentismo e Simbolismo na Poesia Portuguesa. Coimbra: Centro de Estudos Românicos 1975.

PIMENTEL Jorge F. Vieira. Tendências da Literatura Dramática no final do século XIX: D. João da Câmara, um caso exemplar. Ponta Delgada: Universidade dos Açores, 1981.

_____. “Fulgor e limitações da literatura dramática (1886 – 1904). In: CASTRO, Francisco L. História da literatura portuguesa: do simbolismo ao modernismo. v.6. Lisboa: Alfa, 2003.

REBELLO, Luiz Francisco. D. João Gonçalves Zarco da Câmara. In: SIMÕES, João Gaspar (dir.). Perspectiva da Literatura Portuguesa do século XIX .Lisboa: Ática, 1948.

Downloads

Publicado

2014-12-31

Como Citar

Rodrigues, R. C. L. A. (2014). TEATRO E CRÔNICA DE D. JOÃO DA CÂMARA: ASPECTOS DA LITERATURA PORTUGUESA NA PASSAGEM DO SÉCULO XIX PARA O XX. Revista Desassossego, 6(12), 81-94. https://doi.org/10.11606/issn.2175-3180.v6i12p81-94