(1)
Gonçalves, L. R. A Mancha Verde - Um Crime Do Abstrato. Discurso (São Paulo) 1976, 7, 195-212.