Maria Firmina dos Reis: escrita íntima na construção do si mesmo

Palavras-chave: Maria Firmina dos Reis, Literatura afro-brasileira, Maranhão, Século XIX, Abolicionismo, Escrita de si mesmo

Resumo

Este artigo se centra na análise de “Álbum”, caderno de escritos íntimos de Maria Firmina dos Reis, em busca de refletir sobre a construção da individualidade e subjetividade de uma mulher negra, romancista, em meados do século XIX, no Maranhão. Para tal, o artigo propõe um recorte teórico, reconstitui o contexto social da romancista e apresenta trechos de suas reflexões privadas constantes de seu “Álbum”.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-08-21
Como Citar
Machado, M. H. (2019). Maria Firmina dos Reis: escrita íntima na construção do si mesmo. Estudos Avançados, 33(96), 93-108. https://doi.org/10.1590/s0103-4014.2019.3396.0007
Seção
Tinta negra, papel branco: escritas afrodescendentes e emancipação