Os índios, a Amazônia e os conceitos de escravidão e liberdade

Autores

  • Camila Loureiro Dias Universidade Estadual de Campinas, Institutto de Filosofia e Ciências Humanas

DOI:

https://doi.org/10.1590/s0103-4014.2019.3397.013

Palavras-chave:

Trabalho indígena, Escravidão, Amazônia

Resumo

O consenso de que a escravidão é negra e de que ela define a formação nacional não se restringe à historiografia brasileira e brasilianista. Tanto no Brasil como em outras tradições historiográficas, tratou-se de um paradigma construído ao longo de décadas e que associa escravidão ao tráfico de africanos, forjando um conceito incapaz de explicar contextos em que predominaram outras formas coloniais de exploração do trabalho. O objetivo deste artigo é mapear esse percurso teórico no Brasil e, a partir de investigação empírica focada na região amazônica, propor uma abordagem mais ampla da noção de escravidão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-12-10

Como Citar

Dias, C. L. (2019). Os índios, a Amazônia e os conceitos de escravidão e liberdade. Estudos Avançados, 33(97), 235-252. https://doi.org/10.1590/s0103-4014.2019.3397.013

Edição

Seção

Escravização do corpo e da alma